Raio:

Programa de Preven√ß√£o e Controlo de Infe√ß√Ķes e de Resist√™ncia aos Antimicrobianos – Relat√≥rio 2017


Colocado por | Dezembro 15, 2017 | Notícias

Este documento apresenta os resultados das infe√ß√Ķes associadas aos cuidados de sa√ļde (IACS) referentes a 2016, medidas previstas para reduzir as infe√ß√Ķes hospitalares e melhorar o uso dos antibi√≥ticos.

Dele contam um sum√°rio das atividades realizadas em 2016/2017 e uma previs√£o do que se pretende fazer em 2018 relativamente √† vigil√Ęncia epidemiol√≥gica das IACS, do consumo dos antibi√≥ticos e resist√™ncias aos antimicrobianos, bem como das atividades planeadas a 2020.

As principais conclus√Ķes a retirar s√£o:

  • As principais infe√ß√Ķes associadas aos cuidados de sa√ļde est√£o a diminuir;
  • O consumo de antibi√≥ticos tem vindo a diminuir, quer nos hospitais, quer na comunidade.

Metas a atingir em 2020:

  • Reduzir o consumo de antibi√≥ticos na comunidade para um valor abaixo das 19 doses di√°rias por 1000 habitantes;
  • Manter a preval√™ncia de Klebsiella pneumoniae resistente aos carbapenemos, em isolados invasivos, abaixo de 6%;
  • Reduzir para menos de 8% as infe√ß√Ķes hospitalares;
  • Reduzir para menos de 10% as infe√ß√Ķes nas Unidades de Cuidados Continuados Integrados (UCCI).

Consulte aqui o Relatório.

Fonte Original: Dire√ß√£o-Geral de Sa√ļde

342 total de vistas, 1 hoje